sexta-feira, 29 de abril de 2011

Como fazer a limpeza dos implantes dentários


A Odontologia do inicio do século XXI é marcada pelo avanço de novas técnicas diagnósticas, o que possibilitou o avanço e a mordenização de vários tratamentos. O implantedentário foi um dos que mais se beneficiou desses avanços.
Com a popularização dos implantes dentários é necessário estabelecer uma Guideline para uma ótima higienização. Essa higienização é de suma importância para a manutenção da saúde oral e, assim, também para prolongar a vida útil dos implantes. Os pacientes submetidos a implantes dentários precisam ter cuidados redobrados com a limpezapara evitar a formação de placa bacteriana na superfície do dente implantado.
Como fazer a limpeza dos implantes dentários
Escovar TODOS os dentes. Naturais ou próteses. Usar uma escova macia e troque a escova regularmente
Uso de escovas especiais: Escovas Interdentais ou Unitufo: auxiliam na profilaxia das próteses sobre implantes.Essas escovas limpam as regiões onde o acesso das escova comum é limitado.
Escovas elétricas: As escovas de dente elétricas são recomendadas para pessoas com coordenação motora precária.
Uso de fio dental: Há no mercado o fio ‘superfloss’. Esse tipo de fio já vem montado com um passa-fio, o que facilita e muito a utilização na higienização das próteses sobre implantes.
Fio Dental de Água: Modernamente, é indicado uso doWATERPIK’ – como parte da higienização bucal diária para eliminar restos alimentares e bactérias da gengiva.
Uso do enxaguantes bucais: O uso de enxaguante bucal deve ser recomendado pelo seu dentista. Principalmente aquele à base de clorexidina. Isso porque pode ocasionar manchas e alterações no paladar.
Realizar a profilaxia profissional periódica, consultando seu dentista. Os estudiosos afirmam que há um consenso sobre a idéia de que as orientações de higiene bucal, ajustes oclusais, raspagem supragengival e raspagem subgengival tem um feito benéfico na manutenção da estabilidade dos implantes dentários. Na presença de dor, mobilidade do implante dentário, inchaço ou alteração gengival ao redor de seu implante, vá ao seu dentista.
Atenção: o tabagismo é um fator de risco para a manutenção dos implantes dentários: NÃO FUME!
Processos infecciosos e/ou inflamatórios ao redor do implante, tais como lesões periapicais, cistos, restos radiculares e/ou algum corpo estranho vão causar problemas nos implantes e comprometer a longevidade. Mantendo uma higiene oral adequada, e comparecendo às consultas de retorno periódicas, com certeza seus implantes dentários ficarão estáveis e saudáveis por muito e muito tempo!

Agende a sua avaliação aqui na Odontomania tel:3955-0764


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua Visita! Seu comentário é muito importante para nós!
Mas antes, algumas dicas!
-Não utilize palavrões.
-Não utilize CAIXA ALTA para escrever todo seu comentário.
-Expresse-se sem precisar ofender ninguém.
-E volte sempre! ;)